Fontes de financiamento

 

As principais fontes de financiamento usadas pelos pós-doutores do IB-USP vem do CNPQ, CAPES e FAPESP. Porém, fontes de financiamento privado são também utilizadas.

 

PNPD 

 

O Programa Nacional de Pós-Doutorado (PNPD) é um programa nacional de concessão institucional que financia estágios pós-doutorais para brasileiros e estrangeiros em Programas de Pós-Graduação (PPG) recomendados pela CAPES. Cada PPGs é responsável pela seleção e acompanhamento dos bolsistas, assim como pela definição de seus objetivos e atividades. O editais para pleiteamento de bolsas PNPD sao divulgadas no site do ib.usp.br/mais-noticias conforme a disponilidade das mesmas.

 

 CAPES

 

As modalidades de bolsa de pós-doutoramento CAPES são: 

  1. Pós-Doutorado Júnior (PDJ) – destinada a candidatos brasileiros e estrageiros com título de doutor adquirido há menos de 7 anos, quando da implementação da bolsa, no caso de proposta aprovada.
  2. Pós-Doutorado Sênior (PDS) – destinada a candidatos brasileiros e estrageiros com título de doutor adquirido há mais de 7 anos, quando da implementação da bolsa, no caso de proposta aprovada. 

 

Os calendarios, editais e informações estãoo disponíveis ao realizar o login, clique aqui.  

 

FAPESP

 

A Fundacao de amparo a pesquisa do Estado de Sao Paulo concede bolsas de pos-doutoramento a candidatos brasileiros e estrageiros portadores de título de doutor obtido recentemente. O candidato deve ter destacado desempenho, para o desenvolvimento de pesquisa em instituição localizada no Estado de São Paulo. O pleiteamento de bolsas de PD Fapesp sao de fluxo continuo e as normas encontram-se no site, clique aqui.

 

Programa de Incentivo à Atração de Pós-Doutorandos

 

Programa instituido pela pro-reitoria da Universidade de Sao Paulo que concede auxilios pesquisa a pos-doutorandos Fapesp e supervisores que tenham pos-doutorandos Fapesp. Mais informacoes no site da PRP, clique aqui.